Home Perguntas frequentes Quais são os produtos transgênicos aprovados no Brasil?

Perguntas frequentes

Quais são os produtos transgênicos aprovados no Brasil?

Até agosto de 2019, estavam aprovadas no país variedades transgênicas de soja, milho, algodão, feijão, cana-de-açúcar e eucalipto. Além de plantas, o governo já autorizou o uso de componentes geneticamente modificados em vacinas, microrganismos (como leveduras e microalgas) e no mosquito Aedes aegypti, transmissor de doenças como dengue, zika vírus e febre chikungunya.

Em 2018, a taxa de adoção de transgênicos no Brasil foi de 93%, considerando as quatro culturas para as quais essa inovação está disponível (soja, milho, algodão e cana-de-açúcar). Ao olhar separadamente para cada uma delas, ela chega a 96% na soja, 89% para o milho e 84% para o algodão. No ano passado, o País se tornou detentor de recorde de maior área plantada com soja transgênica do mundo, com 34,86 milhões de hectares (ha), superando por pouco os Estados Unidos (34,09 milhões).

O milho transgênico foi plantado em 15 milhões de ha, o algodão em 1 milhão de há e a cana em 400 hectares, em seu primeiro ano de adoção. A crescente adesão se deve aos benefícios advindos do uso da biotecnologia, como maior eficiência, facilidade no manejo, menor tempo gasto nas operações, otimização do uso de defensivos químicos e redução de doenças e perdas nas lavouras.