Home Imprensa CropLife Brasil é lançada para incentivar a inovação na agricultura brasileira

imprensa

CropLife Brasil é lançada para incentivar a inovação na agricultura brasileira

Evento realizado em Brasília contou com a presença de autoridades e ministros do Meio Ambiente e da Agricultura

São Paulo, 1º de novembro de 2019 – Uma nova instituição do setor de agronegócio foi lançada nesta quinta-feira (31/10), em Brasília, em cerimônia que contou com autoridades e profissionais ligados ao setor. A CropLife Brasil tem como missão fomentar a inovação e o uso das mais modernas tecnologias nas lavouras brasileiras, apoiar iniciativas de educação e treinamento no campo, além de estreitar o diálogo com a sociedade. O evento de lançamento contou com a presença dos ministros do Meio Ambiente, Ricardo Salles, e da Agricultura, Tereza Cristina, além de dezenas  de autoridades.

Em sua fala, o presidente executivo da instituição, Christian Lohbauer, destacou a importância do agronegócio para a economia do País e a necessidade de fortalecer a representatividade do segmento, o que será possível a partir da criação da CropLife Brasil. “Não perdemos o que já foi feito, mas iniciaremos uma fase com atuação mais abrangente. Agora, juntando as instituições que já atuavam no setor, teremos voz e imagem únicas. Vamos debater e trazer fatos, dados e esclarecimentos”, ressaltou.

Lohbauer também explicou que a atuação da CropLife no Brasil será diferenciada por incorporar todos as tecnologias de plantas e sementes. Para ele, como o Brasil é o maior mercado dessas áreas de negócios, nada mais natural que o País se apresente como pioneiro para construir uma missão ainda mais ambiciosa do que as outras CropLifes já fizeram. “Somos aquela instituição que representa tudo que existe de tecnologia para o produtor usufruir em suas propriedades e nas culturas que produzir. Estamos representando todas as possibilidades”.

O presidente do conselho consultivo da CropLife Brasil, Eduardo Leduc, falou sobre a criação da instituição. “Fizemos a pergunta: ter diversas associações em segmentos separados responde às necessidades atuais da indústria e do produtor brasileiro? Nesse exercício, foi que, embora as associações fizessem um excelente trabalho individualmente, concluímos que não fazia mais sentido continuarmos assim”, explicou.

Leduc ainda destacou os desafios de se produzir alimentos no Brasil devido às incertezas econômicas e jurídicas e as adversidades do clima tropical. “Ainda assim, conquistamos a liderança da produção e exportação de diversos produtos agrícolas ocupando menos que 8% do território nacional. É sinal de muita competência, uso de tecnologia e sustentabilidade”, concluiu.

O evento de lançamento da CropLife Brasil contou ainda com o convidado internacional Jack Bobo, profissional que trabalhou por 13 anos no Departamento de Estado dos Estados Unidos como consultor sênior para políticas alimentares e é considerado pela Scientific American uma das 100 personalidades mais influentes na área de biotecnologia. Ele falou sobre a importância da pesquisa científica para informar melhor a população sobre segurança alimentar e evitar boatos e desconhecimento.

 

Meio Ambiente

Em sua fala no evento, o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, destacou que plataformas como a CropLife Brasil são uma grande oportunidade de esclarecer e levar elementos, dados e fatos provenientes da pesquisa científica que são capazes de dar fundamento para todas as colocações, narrativas e análises fundamentais ao desenvolvimentos do agronegócio. Para o ministro, “o Brasil é modelo de sustentabilidade e boas práticas no campo, em estados diversos e culturas variadas”.

Salles destacou ainda que o País é exemplo sob qualquer ótica, até mesmo na quantidade de defensivos usados – tema que é constantemente debatido pela imprensa brasileira. “A tecnologia mais nova substitui a mais antiga e protelar a análise e a utilização de soluções mais modernas acaba por prejudicar o meio ambiente, a qualidade de vida e a saúde das pessoas”, pontuou. Para ele, o Ministério do Meio Ambiente, junto ao Ibama e os Ministérios da Agricultura e da Saúde, tem papel fundamental de esclarecer, levar dados e informar a população. 

 

Agricultura

Tereza Cristina, ministra da Agricultura, também prestigiou o evento e lembrou que o desejo de se ter uma instituição única do segmento já era uma ideia discutida quando ela liderava a Frente Parlamentar da Agropecuária. “Era um sonho que agora começa a ser verdade. Tenho certeza de que estamos no caminho certo”, destacou.

A ministra destacou o potencial agroambiental do Brasil, mas disse que é preciso investir na comunicação entre esse segmento e a sociedade.  “A comunicação como norte será um grande ganho da associação. Pensando juntos, com certeza, vamos ter sucesso”, ressaltou.

A CropLife Brasil representará algumas das principais empresas especializadas em pesquisa e desenvolvimento de novas soluções nas áreas de germoplasma, biotecnologia e defesa vegetal. Entre as suas áreas de atuação está a geração e disseminação de conhecimento para produtores rurais, por meio de ações de educação e treinamentos que contribuam para promover as boas práticas agrícolas, e também para a sociedade em geral, por meio da divulgação de informações de qualidade sobre a importância da tecnologia para a produção sustentável de alimentos.

 

Informações à imprensa:

Ketchum
Marina Lourenção l Tel.: 11 5090-8900 ramal 6345 l marina.lourencao@ketchum.com.br

Jaqueline Frederes I Tel: 11. 5090.8969 I jaqueline.frederes@ketchum.com.br